Cacique Babau participa de roda de conversa na CESE

Nesta terça-feira (11), a equipe da CESE participou da roda de conversa sobre os direitos indígenas com a presença de Cacique Babau. A liderança, que faz parte da aldeia Tupinambá – Serra do Padeiro, apontou para as violações de direitos sofridas pelos índios no sul da Bahia e em outras regiões do país.

A demarcação territorial é a principal luta dos indígenas, que sofre perseguição e ameaças por parte dos fazendeiros e empresários exploradores da terra, por reivindicar este direito garantido na Constituição Federal. Este problema é sofrido pela maioria dos povos tradicionais, que segundo Babau, precisam esperar por pelo menos 40 anos para terem suas terras demarcadas.

Babau também destacou algumas conquistas da aldeia quanto à geração de renda para o fortalecimento da comunidade, como a produção e venda de cacau, frutas e pequenos animais para cidades vizinhas. O encontro foi encerrado com a apresentação de questões e dúvidas pela equipe da CESE, quanto às lutas dos povos indígenas.

Matéria publicada no site da Coordenadoria Ecumênica de Serviços – CESE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *