Brasil: quadro-resumo das terras indígenas

Hoje, os Guarani e Kaiowá somam aproximadamente 50 mil pessoas divididas em 30 terras indígenas e em pouco mais de 30 acampamentos localizados na beira das estradas e nos fundos das fazendas. Mas os índices de violência estão concentrados na Terra Indígena de Dourados, na qual em torno de 15 mil índios dividem um espaço de 3,5 mil hectares. enfrentam a falta de perspectivas, em função da crônica falta de espaço e da incompetência e da negligência dos governos locais e federal. Nos acampamentos, aonde vão quando sua paciência se esgota, ficam sujeitos à truculência dos fazendeiros, que têm agido de forma intransigente”eram 43,4 mil em 2010, segundo o IBGE. eram 43,4 mil em 2010, segundo o IBGE.

Fonte: Povos Indígenas do Brasil – Instituto Socioambiental – ISA e Conselho Missionário Indigenista – CIMI

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *